Alunos do Remadas passam por avaliação sistemática de canoagem



Os alunos do Remadas estão realizando uma atividade diferenciada ao longo desta semana.
Trata-se de uma filmagem técnica orientada pelos professores. Divididos em turmas, a
expectativa é que cerca de 60 alunos participem do processo.


O professor William Brandão destaca a importância da atividade. “Essa filmagem vai auxiliar em uma avaliação sistemática a respeito do desenvolvimento dos alunos na canoagem. O vídeo é muito importante, pois nos permite corrigir, orientar e educar as nossas crianças e adolescentes”, disse.

Os alunos vão começar a assistir as imagens a partir desta quinta-feira (23.03), juntamente com os professores. A proposta é que os pontos positivos e negativos sejam identificados, para que, posteriormente, sejam trabalhados no calendário de atividades do Remadas.


Fotos: Vanessa Pedroso 

Organização coletiva: turma do Remadas constrói normas de convivência



Pensa numa lista de regras construída coletivamente... Num primeiro momento, pode até parecer difícil construí-la, mas, com habilidade de quem coordena com dedicação o trabalho, tudo fica mais fácil.

No Remadas Solidárias, essa proposta não ficou apenas no papel. A galera, junto com os professores do projeto, criou e aprovou cada item que compõe as normas de convivência, denominadas pelo grupo como Regras do Remadas.


A garotada se dedicou para construí-las e foi a principal responsável por aprová-las. Durante três dias, no início deste mês de março, os alunos tiveram aulas sobre regras. O objetivo foi retomar as normas de convivência, tendo consciência que, para se ter um ambiente mais seguro, organizado e engajado, há a necessidade de cumpri-las.

 As crianças e os adolescentes permaneceram na sala do refeitório do Sesi e receberam instruções sobre a atividade. Primeiro, a  turma foi dividida em grupos de igual número. Cada grupo escreveu, pelo menos, seis normas do Projeto Remadas Solidárias. Após, os integrantes de cada equipe as compartilharam com o restante da turma.

Em círculo, o professor Edelvan Borelli mencionou as normas e os alunos as aprovavam ou não, tendo em vista a importância no dia a dia do projeto, que se volta ao ensino da canoagem, valorizando o esporte e a educação na vida das pessoas. A manifestação da turma em relação às normas tinha símbolos: ao mostrarem a mão fechada, sinalizavam concordância com a regra. Do contrário, a mão se abria.


O relatório com as Regras do Remadas escritas por todas as turmas consta em um cartaz afixado na parede do hangar. É para que todos as tenham sempre em vista.

Algumas delas contribuem para garantir mais proteção aos estudantes, como: uso do colete no trapiche e do uniforme para ir à aula; no ônibus que traz os alunos ao projeto, não ficar de pé e usar o cinto de segurança; não nadar na represa (somente nas atividades específicas, como atividade triatlo); não desperdiçar comida na hora do lanche; manter os espaços limpos; não correr no trapiche porque faz onda e atrapalha quem está na piscina; colocar o colete molhado no lugar certo; chegar no horário...

Gustavo Schimidt Cadorin e Douglas Weber Zucco, ambos com 11 anos e alunos do 6º ano do Colégio São José, participaram, atentos, da elaboração das regras. Há dois anos no Remadas, eles observam que as normas são úteis para o bom andamento da aula e do aprendizado. Por isso, vão olhar com atenção a lista que permanecerá, ao longo do ano, na parede do hangar.






Fotos: Rosa Ana Bisinella

Semana será dedicada a avaliar a técnica

A semana que marca a chegada do outono será dedicada a filmagem e avaliação da técnica da prática da canoagem no Remadas Solidárias.

Até quarta-feira, dia 23 de março, os professores do projeto irão realizar filmagens das atividades desenvolvidas pelos alunos, com o objetivo de avaliar as técnicas básicas da prática da modalidade.

De quinta até sábado, os docentes apresentarão as filmagens e farão análises com os alunos. Utilizando o vídeo como ferramenta, mostrarão ao grupo os aspectos mais importantes do resultado da tarefa, com o intuito de melhorar a compreensão do que deve ser aprimorado no gesto técnico, deixando o mesmo mais eficiente.

 
Remadas Solidárias © 2012 | Desenvolvido por Wd Caxias
E-mail